Acho que o mais legal desses filmes de super-heróis produzidos pelo Estúdio Marvel é como a mesma trata com seriedade seus personagens. C...

193 - Capitão América: O Primeiro Vingador (Captain America: The First Avenger/Joe Johnston/2011)


Acho que o mais legal desses filmes de super-heróis produzidos pelo Estúdio Marvel é como a mesma trata com seriedade seus personagens. Capitão América: O Primeiro Vingador, a mais nova realização do Estúdio, dirigido por Joe Johnston, do insosso Lobisomem, é um bom filme de aventura, mas que perde um pouco por se focar uma boa parte na origem do herói, o que acaba deixando boa parte da trama contando como Steve Rogers (Chris Evans), sujeito franzino e de saúde debilitada, mas de caráter único, transforma – se no poderoso Capitão América.

Falando na trama, Capitão América: O Primeiro Vingador talvez seja uma das adaptações de HQs mais fieis realizadas. O personagem colocado no seu tempo certo, durante a 2ª Guerra, duelando com o Caveira Vermelha (Hugo Weaving), seu antagonista mais ferrenho e linkado com os tempos atuais de maneira bem interessante. O ator Chris Evans encarna o super herói muito bem, o CG que usaram para inserir sua cabeça em um corpo pequeno ficou bem realista, alias o CG é usado em favor do filme, ajudando a criar parafernálias tecnológicas e seqüências de ação emocionantes, como a protagonizada pelo Capitão, quando entra em um dos covis da Hidra, divisão nazista comandada pelo Caveira Vermelha, para salvar soldados americanos. A atuação de Evans também cresce com a participação de bons coadjuvantes como a bela atriz Hayley Atwell, que faz a oficial Peggy Carter, interesse romântico do Capitão, ou o veterano ator Tommy Lee Jones que faz o Coronel Chester Phillips ou ainda o carismático ator Stanley Tucci que faz o Dr. Abraham Erskine, criador do soro do super soldado que transforma Steve Rogers. O talentoso ator inglês Toby Jones faz o cientista nazista Arnim Zola.

Capitão América: O Primeiro Vingador, com certeza, vai ser acusado (e já esta) de ser um filme extremamente patriota que exalta o poder bélico americano, mas que quando apreciado, na verdade, contem até algumas criticas a como os EUA fazem guerra, mas tudo não deixa de ser uma grande besteira, já que o filme não passa de uma diversão das mais despretensiosas. A Marvel ainda conectou a origem do personagem com a família Stark, o que caiu muito bem no filme e com essa realização sedimenta de vez o projeto do filme dos Vingadores. Resta saber, como o Estúdio vai fazer para realizar um filme interessante com tantos personagens bons, alguém ai vai ter que ficar de lado, mas como um dos lideres do grupo, acredito que o Capitão não vai ser um deles.

14 comentários:

Rafael W. disse...

Que bom que você gostou, espero que funcione comigo também, já que não espero muita coisa.

http://cinelupinha.blogspot.com/

Celo Silva disse...

Rafael, e um filme pipoca, q vale uma ida ao cinema. Espero q curta, obrigado pela visita.

pudimdecinema disse...

Legal que vc gostou, Celo. Eu sou muito rabugento para esses filmes de modinha blockbusters, mas tem uns que aprecio muito (A Origem é um deles, e ao meu ver é o segundo melhor filme de 2010)... mas a coisa é esperar para ver. Não sei se vou gastar meu dinheiro para assistir este no cinema, pois sempre procuro algo mais além de diversão quando pago para uma sessão... mas enfim, sei lá. rsrs

abs!

Emmanuela disse...

Eu me diverti muito ao assistir este filme em 3D. Faz bem priorizar a diversão de vez em quando!

Celo Silva disse...

Pudim, tb sempre procuro filmes de qualidade para ver no cinema, mas atualmente é dificil fugir dos blockbusters nas salas, tomadas por essas produções. E tenho q confessar q curto um bom filme de heroi...hehehe...vlw

Emmanuela, não assisti em 3D, mas tb curti o filme. Obrigado pela visita e apareça sempre.

Anônimo disse...

"Capitão América: O Primeiro Vingador, com certeza, vai ser acusado (e já esta) de ser um filme extremamente patriota que exalta o poder bélico americano"

essa é o principal motivo por eu ser distante do Capitão América. gosto de ler hq's, mas nunca me interessei muito pelo herói, justamente por isso. quem sabe eu assista, pra conferir se conseguiram introduzir uma outra visão.

Augusto Cesar,

Celo Silva disse...

Augusto, acho q eles tentaram tirar um pouco desse estigma nessa obra, mas não tem como fugir mesmo dessa carga negativa q o personagem carrega. Talvez por isso tb o filme tenha cara de uma produçaõ de epoca. Obrigado pelo comentario e pela visita. ABs

Vou conferir essa semana, se conseguir. Espero gostar do filme, apesar de não ser fã do Evans!
abraço

Celo Silva disse...

Cris, com expectativas baixas, talvez vc goste, Abs.

Marcos Rosa disse...

Vou tentar vê-lo esta semana, mas acredito que no quesito filme de ação-aventura, ainda não irá superar o melhor do ano em minha opinião: Sucker Punch

____
http://algunsfilmes.blogspot.com/

Celo Silva disse...

Marcos, serio q gostou de Sunker Punch? Achei no maximo medio... lembro q na epoca escrevi um texto criticando muito, talvez precise de uma revisão. Vlw pela visita, sempre estou conferindo seu blog. ABs

Rodrigo Mendes disse...

Vou conferir ainda. É filme de matinê.
Abs.
Rodrigo

natalia disse...

É, não dá pra ir assistir e não esperar que tenha patriotismo exagerado no longa.

Achei um bom entretenimento, mas só, rs...

Abs!

Celo Silva disse...

Rodrigo, é um filme para matinê mesmo

Natalia, é apenas entretenimento feito na medida para grandes plateias, mas as vezes é bom curtir um escapismo.

Abs a tds