Tio Boonmee ( Thanapat Saisaymar ) é um agricultor que sofre de insuficiência renal e esta prestes a morrer. Boonmee reúne em seu sitio a s...

123 - Tio Boonmee, Que Pode Recordar suas Vidas Passadas (Loong Boonmee Raleuk Chat/Apichatpong Weerasethakul/2010)


Tio Boonmee (Thanapat Saisaymar) é um agricultor que sofre de insuficiência renal e esta prestes a morrer. Boonmee reúne em seu sitio a sua cunhada, alguns amigos, além de receber a visita de sua finada esposa em forma de fantasma e de seu filho que sumiu na floresta e aparentemente se tornou um figura mítica conhecida como Macaco – Fantasma. Nesse dias que se passam, Boonmee vai relembrar sua vida e celebrar sua morte.
Tio Boonmee que poder Recordar sua Vidas Passadas foi o ganhador da Palma de Ouro de Cannes em 2010 e um filme celebrado por muitos cinéfilos. Também gostei do filme, mas esperava uma obra mais contundente, se talvez conhecesse a filmografia do diretor tailandês Apichatpong Weeresethakul saberia o que estava por vir. Pelo que andei lendo depois de assistir o filme, Apichatpong é um diretor que preza por contar a história de uma maneira bem visual, de forma bem lenta e com longas tomadas em que os atores se mantem estáticos. Para alguns desavisados pode passar a sensação de ser um filme chato e se o expectador não estiver em um bom dia, pode ser mesmo. Porém, Tio Boonmee... é um produção tocante, sensível e com belas cenas, como a passada dentro de uma caverna, já perto da morte de Boonmee.
A produção também é bem crua, com personagens bem naturais, como se algumas cenas fossem filmagens reais da vida daquelas pessoas, mas que tem como contraponto as sequências fantásticas com a participação do Macaco – Fantasma e o fantasma da esposa. A aparição do Macaco é de uma força estética grande e marcante também, impressionante como o diretor consegue realizar com excelência essas tomadas usando apenas dois pontos vermelhos na escuridão.
Tio Boonmee que pode Recordar sua Vidas Passadas é um filme único, que necessita um pouco de paciência para sua melhor apreciação, mas que merece todo o respeito. Além de mostrar uma visão diferente da morte. Nota 08.

5 comentários:

Jenifer Torres disse...

Obrigada pela visita ao Dicas e Listas. Também gostei bastante do seu blog.
Abraços. Te seguindo.

Natalia Xavier disse...

Nao cheguei a ver esse filme ainda, falam mto bem dele.
Gostei do seu espaço, vou adicionar no meu blogroll!

Obrigada pela visita lá no Blog também!

Abs

Celo Silva disse...

Jenifer - Obrigado pela visita, vou linkar seu blog aqui.

Natalia - vlw pela visita tb, não deixe de assistir esse filme, uma obra diferenciada e interessante. Um Abraço. Vou linkar vc aqui tb.

B-Cine disse...

Esse tá na lista pra assitir. Deve ser no mínimo interessante.

Celo Silva disse...

Bruno, um filme para ser assistido com vontade, se quiser uma obra escapista melhor escolher outro, mas se encarar, acho q vai gostar.