Museu de Cera é um dos primeiros filmes a ter usado o recurso do 3D, nessa versão de 1953, o diretor André de Toth usa a história do prof...

111 - Museu de Cera (House of Wax/André deToth/1953)


Museu de Cera é um dos primeiros filmes a ter usado o recurso do 3D, nessa versão de 1953, o diretor André de Toth usa a história do professor Henry Jarrod (Vincent Price) e seu museu de cera, com recriações de cenas violentas da história mundial, para apresentar a até então nova tecnologia. 
O filme teve bastante sucesso e até criou uma onda de filmes usando o 3D, mas sinceramente... esperava mais, não que seja ruim. Talvez os comentários que li e escutei sobre a obra tenham elevado a minha expectativa, mas achei Museu de Cera um tanto insosso, apesar das surpresas, comparado a outras realizações de terror da mesma epóca e de epócas um pouco anteriores. 
Os pontos positivos são a atuação de Vincet Price, o seu professor Jarrod vai da educação e polidez extrema a psicopatia e obssessão insana, e a direção de arte, que também capricha nos cenários e na criação do segundo museu.
Museu de Cera é um filme que falha na construção de um clima de suspense, mas que compensa pela caracterização e atuação do seu protagonista, além de ter inovado, obrigando o expectador a usar aqueles óculos coloridos. Nota 06.

2 comentários:

B-Cine disse...

Assisti o remake e achei bem fraco também. O único momento interessante é a cena envolvendo a personagem da`Paris Hilton que morre rapidinho... hehehehe
Vincent Price é o ator canastrão preferido hehehehe

Celo Silva disse...

parece que esse da Paris Hilton é o segundo remake.