Quando li que M. Night Shyamalan faria a versão cinematográfica do desenho Avatar, fiquei empolgado e desconfiado ao mesmo tempo; pois apesa...

30 - O Último Mestre do Ar (The Last Airbinder/M. Night Shyamalan/2010)

Quando li que M. Night Shyamalan faria a versão cinematográfica do desenho Avatar, fiquei empolgado e desconfiado ao mesmo tempo; pois apesar de ser fã do Diretor, seus últimos trabalhos tinham sido um tanto quanto decepcionantes, principalmente o equivocado "Fim dos Tempos". Por outro lado, poderia ser uma chance de reinvenção e com texto para se embasar, talvez pudesse desenvolver sua habilidade em contar histórias. Bom, depois de assistir ao garoto que é um Deus e deve unificar todas as nações, ficou a sensação de um filme sem coração. A qualidade técnica e os efeitos especiais são impecáveis, impressionantes as cenas finais do domínio da água pelo Avatar; porém a trama é muito rasa, em alguns momentos fica a sensação da falta de motivo para tudo aquilo. O perfil dos personagens é pouco explorado, as cenas de ação emendam uma na outra deixando o expectador perdido e as cenas feitas para emocionar, não funcionam. Na verdade, ficou parecendo que Shyamalan entrou no projeto como contratado, um Diretor de aluguel mesmo, sem poder exprimir sua visão da história. Nota 05. 

2 comentários:

B-Cine disse...

Eu também tive desconfiança quando li sobre esse filme do Shyamalan. Prefiro o cara dirigindo filmes de suspense . Gostei de Fim dos tempos.

Celo Silva disse...

sei lá, esperava mais de Fim dos Tempos, Wahlberg não me conveceu...acho que ele mata o filme